Dito, feito e percebido: controvérsias, performances e mudanças na arena da maconha

Autores

Marcílio Dantas Brandão

Palavras-chave:

1. Sociologia, 2. Drogas, 3. Maconha – Aspectos sociais, 4. Movimentos sociais

Sinopse

A obra se situa num amplo campo de estudos sobre transações, controvérsias, mobilizações de interesses e disputas de autoridade em relação à maconha. Este tema, em suas múltiplas dimensões, tem sido objeto de diferentes áreas de conhecimento. A contribuição e inovação de “Dito, feito e percebido” está em seu foco: as “performances de reivindicação coletiva de mudanças de normas legais e sociais” – especialmente uma: a Marcha da Maconha.
A pesquisa que originou esta obra buscou compreender “como algumas pessoas se mobilizam para defender a alteração das normas de regulação das transações com esta planta e seus derivados”. Daí, sua originalidade e contribuição para a análise de processos internos aos movimentos sociais que configuram a emergência de ações coletivas – manifestações, performances, mobilizações e articulações para repercussão de notícias que dão visibilidade a demandas de mudança. Há que se observar, ainda, a conexão que o autor constrói com contextos históricos, políticos e sociais que vão muito além dos agentes diretamente envolvidos com a Marcha da Maconha.

Dito, feito e percebido

Downloads

Publicado

2019

Categorias

Licença

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)

978-85-415-1103-2